Nos siga nas redes sociais

 

     Na semana em que completou 22 anos, Lucas Silva recebeu de Carlos Ancelotti (técnico do Real Madrid) um grande presente, estreiar como titular no time Galático do Real, logo na fase Oitavas de Final da Champions League, diante do Schalke 04.

    A estreia de Lucas Silva como titular do Real Madrid foi animadora. Para ele mesmo, foi "além das expectativas". O brasileiro ganhou a oportunidade de fazer sua primeira partida de 90 minutos pelos merengues na vitória contra o Schalke 04 por 2 a 0, pela ida das oitavas de final da Liga dos Campeões, e não decepcionou o técnico Carlo Ancelotti.
    Lucas já havia estreado e jogado pouco mais de 10 minutos contra o Deportivo La Coruña no último final de semana, mas nada parecido com a experiência que teve na última quarta-feira. Jogando fora de casa, em Gelsenkirchen, com torcida infernal, o volante revela que chegou a ficar nervoso antes do início da partida.

- Eu perguntei para o Marcelo se na primeira vez que ele jogou uma Champions League ele ficou com frio na barriga quando tocou o hino e ele disse "claro". Fiquei também no começo - confessou o brasileiro já depois da vitória.

    Lucas não transpareceu isso. Mais frio do que a baixa temperatura na Alemanha, ele se manteve tranquilo e mostrou personalidade desde o começo. Quando ninguém ainda havia finalizado a gol, aos 18 minutos de partida, ele resolveu tentar um disparo de longe e assustou o goleiro adversário.

    O volante também se destacou pela forma como se comunicou com seus companheiros. Mais de uma vez ele foi até mais duro com jogadores como Carvajal ou Bale, conversou bastante com Kroos e Marcelo e recebeu apoio de Pepe mais de uma vez. Nem parecia que havia sido apresentado há menos de um mês, no dia 26 de janeiro.

 

- O que meu deu essa tranquilidade para falar com eles foi a minha recepção que foi muito boa. Estou feliz pela estreia e por ter conseguido mostrar bem o meu futebol - disse o volante.

    Nas estatísticas da partida, além da finalização a gol, Lucas Silva cometeu duas faltas, uma que levou perigo, na entrada da área. O brasileiro recebeu 48 passes no total, e deu 58, com 91% de aproveitamento. O bom rendimento coloca uma dúvida na cabeça do técnico Carlo Ancelotti, que não tem Modric e Kedhira lesionados e está insatisfeito com o futebol de Illaramendi.

Estrada 113, Chácara 284 - Bairro São Joaquim
Goiânia - Goiás CEP: 74470-210
Fone: (62) 3297-1474

s

Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Supera Web X